Páginas

segunda-feira, 21 de março de 2016

CT BRASSERIE — Impressões sobre o Jantar Harmonizado Brasil-Estados Unidos

No dia 15/03 rolou mais uma edição do Jantar Harmonizado, realizada na CT Brasserie do São Conrado Fashion Mall.

Com rótulos do Brasil e Estados Unidos, a seleção das cervejas ficou a cargo do sommelier Pedro Barcellos. Já os pratos quem assinou foi o chef Thomas Troisgros.

Abaixo seguem as descrições do Pedro sobre cada etapa do Jantar Harmonizado, suas intenções e elementos que buscou ao escolher as cervejas:

Prato: Dadinhos de tapioca com foie gras e geleia de jaca
Cerveja: Wäls Bohemia Pilsen | Teor Alcoólico: 5% ABV | Estilo: Bohemian Pilsener | País: Brasil
"O amargor elegante e floral da cerveja vai cortar a gordura do foie gras e da fritura da tapioca. Ao mesmo tempo, o dulçor proveniente do malte - lembrando casca de pão, cereais e em segundo plano o mel - vai se assemelhar com o dulçor do próprio foie gras e da geléia de jaca, que acompanha os dadinhos de tapioca. O resultado é uma entrada mais leve e muito harmoniosa."

foto: Mariana Rezende


Prato: Palmito azedo com beurre blanc de tucupi e azeite verde
Cerveja: Goose Island Sofie | Teor Alcoólico: 6,5% ABV | Estilo: Farmhouse Ale | País: Estados Unidos
"Toda a complexidade, aliada ao sabor cítrico e ácido da cerveja, vai se assemelhar muito com a acidez e o sabor do prato. Ao mesmo tempo também “quebra” a viscosidade da redução do tucupi e a oleosidade do azeite verde, deixando o prato mais saboroso e equilibrado. Nessa harmonização a busca foi pelo equilíbrio entre a acidez, os aromas cítricos e as especiarias, tanto do prato quanto da cerveja."

foto: Mariana Rezende

 
Prato: Leitão crocante com Kimchi
Cerveja: Goose Island IPA | Teor Alcoólico: 5,9% ABV | Estilo: English India Pale Ale | País: Estados Unidos
"Cerveja com um equilíbrio muito grande entre o dulçor proveniente do malte e o amargor médio a alto proveniente dos lúpulos utilizados. Todo esse dulçor vai se assemelhar muito ao adocicado do lombo de porco. O amargor vai quebrar a potência e a gordura tanto da carne quando da pele do porco crocante. A harmonia entre o doce e o amargo vai deixar o kimchi menos ácido e menos apimentado, dando mais equilíbrio e suavizando o prato, apesar da potência dos ingredientes."

foto: Mariana Rezende


Prato: Cordeiro em crosta de açaí e aipim folhado
Cerveja: Wäls Dubbel | Teor Alcoólico: 7,5% ABV | Estilo: Belgian Dubbel | País: Brasil
"Toda a complexidade, estrutura e harmonia da cerveja caminhou lado a lado com a estrutura do prato. O lombo de cordeiro grelhado se assemelhava muito com o sabor frutado e caramelizado da cerveja, ao mesmo tempo em que a crosta de açaí (terrosa) contrastava com o sabor frutado que predominava no prato. O teor alcoólico médio de 7,5% “quebrava” a viscosidade do molho de uvas, a fritura do aipim folhado e limpava o palato, deixando o prato muito saboroso e pedindo uma próxima garfada ou mais um gole na taça." 

foto: Mariana Rezende


Prato: Tartelette de frutas vermelhas com calda de frutas vermelhas
Cerveja: Wäls Quadruppel | Teor Alcoólico: 11% ABV | Estilo: Belgian Quadruppel | País: Brasil
"Na sobremesa buscamos uma semelhança entre o frescor das frutas vermelhas, o sabor e o aroma bem frutado e caramelizado da cerveja. Ao mesmo tempo a “farofa” e o sorvete de framboesa que acompanhavam o tartelette tinham uma acidez muito equilibrada e bem inserida, contrastando com o dulçor mais frutado do prato, deixando ele muito bem equilibrado e saboroso."

foto: Mariana Rezende


Para saber como foram as edições anteriores do Jantar Harmonizado é só clicar aqui, aqui e aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário